RSS

Marilia Gabriela entrevista Silvio Meira

22 fev

Para quem não conhece, Silvio Meira é formado em Engenharia Eletrica pelo ITA, doutor em computação, professor titular de engenharia de software na UFPE, cientista chefe do C.E.S.A.R, consultor da ONU para desenvolvimento científico e tecnológico e futurólogo.

Na entrevista, o paraibano Meira, fala sobre futuro, internet, avanços da tecnologia, segurança, novo padrão de educação, história, utopia, distopia, enfim, as mudanças da era digital.

Só pela frase que Silvio fecha entrevista já valia ter assistido a entrevista inteira:

“Todos nós deviamos nos preparar para o futuro, aprendendo coisas que ainda não sabemos, desaprendendo coisas que sabemos, mas que não deveriamos mais saber porque são de alguma forma inutéis e reaprendendo coisas já soubemos e que voltaram a ser utéis.”

Para quem quiser conferir, segue as 5 partes da entrevista concedida a Marilia Gabriela, no programa do canal GNT Marília Gabriela Entrevista, em 26 de abril do ano passado:

Parte 1:

Parte 2:

Parte 3:

Parte 4:

Parte 5:

.

Um dos pontos mais crucias da entrevista é quando Silvio fala sobre como deveria ser um novo modelo de educação:

“Devemos escolher um pouco mais, ou um pouco melhor, ao que vamos dedicar nossa atenção. Existe uma coisa chamada dilúvio de informação hoje. Se você perguntar para qualquer sistema de busca na internet você vai descobrir que para qualquer pergunta que agente faça, existem centenas de milhares, de milhões de respostas, das quais, talvez, centenas de milhares façam sentido. Então, você não pode ir atrás de tudo isso, você tem que começar a ter sistemas de referencia para lhe dizer o que daquilo vale à pena. Mas, principalmente agente tem que mudar o caráter da escola para parar de ser um repositório de conhecimento, para ser um processo de criação de oportunidade de aprendizado contínuo. Eu tenho que aprender a aprender continuamente. A principal diferença da era industrial, da qual se saía para usar algumas coisas que faziam sentido na indústria para agora, e que essa era é do conhecimento, e ela é sustentada por uma era da informação, e a minha possibilidade de sobrevivência nela é eu ter os meios estruturais para continuar aprendendo.”

“Em linhas gerais a informatização é uma realidade inescapável e ela tem que começar na educação de base.”

Aprender a aprender.
Think about.

.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 22/02/2010 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: